Resenha de "Um mais um" (Jojo Moyes)

Título: Um Mais Um
Autor: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Adicionar no Skoob: Link

Sinopse: Um Mais Um - Há dez anos, Jess Thomas ficou grávida e largou a escola para se casar com Marty. Dois anos atrás, Marty saiu de casa e nunca mais voltou. Fazendo faxinas de manhã e trabalhando como garçonete em um pub à noite, Jess mal ganha o suficiente para sustentar a filha Tanzie e o enteado Nicky, que ela cria há oito anos. Jess está muito preocupada com o sensível Nicky, um adolescente gótico e mal-humorado que vive apanhando dos colegas. Já Tanzie, o pequeno prodígio da matemática, tem outro problema: ela acabou de receber uma generosa bolsa de estudos em uma escola particular, mas Jess não tem condições de pagar a diferença. Sua única esperança é que a menina vença uma Olimpíada de Matemática que será disputada na Escócia. Mas como eles farão para chegar lá?
Enquanto isso, um dos clientes de faxina de Jess, o gênio da computação Ed Nicholls, decide se refugiar em sua casa de veraneio por causa de uma denúncia de práticas ilegais envolvendo sua empresa. Entre ele e Jess ocorre o que pode ser chamado de ódio à primeira vista. Mas quando Ed fica bêbado no pub em que Jess trabalha, ela faz questão de deixá-lo em
casa, em segurança. Em parte agradecido, mas principalmente para escapar da pressão dos advogados, da ex-mulher e da irmã — que insiste em que ele vá visitar o pai doente —, Ed oferece uma carona a Jess, os filhos e o enorme cão da família até a cidade onde acontecerá o torneio.
Começa então uma viagem repleta de enjoos, comida ruim e engarrafamentos. A situação perfeita para o início de uma história de amor entre uma mãe solteira falida e um geek milionário.


Ouço falar de Jojo desde a repercussão de "Como eu era antes de Você". Claro que na época, e pelos comentários sobre o livro, eu não quis ler. Ando correndo de livros tristes, quando eu sei que são tristes, desde A Culpa é das Estrelas. Portanto nada de livros que joguem minha cara na medina! 

Contudo quando a Intrínseca falou do lançamento de Um mais Um, a coisa mudou de figura. Primeiro porque é um livro de Road Trip e não tem nada que ame mais em roteiros do que viagens. Segundo porque já pela sinopse ele tende a nos deixar com uma sensação confortável de bem estar. Esse era o tipo de livro que eu estava procurando na época. E vou dizer, foi uma delícia em muitos aspectos, inclusive os dos quais eu quis correr. Mas no final das contas fiquei extremamente feliz em ter lido. 

Tá, o babado aqui é o seguinte:
Temos dois núcleos para nos situar a princípio. Um deles é de Ed, um ricaço que fez grana com esses programas de computador. Um super nerd que deu uma mancada colossal quando falou demais sobre ações da bolsa para uma pessoa que estava com má intenção. Isso acaba fazendo com o cara tenha que passar um tempo longe da mídia, e escolhe uma das casas que possui numa cidade pequena para isso. 

O outro núcleo é o de Jess, uma mãe solteira que se vira em mil para não deixar faltar nada a Tenzie e Nicky. Trabalha num bar, faz faxina em casas grandes, e qualquer outra coisa que pintar. Contudo as contas estão acumulando e ela tem que abdicar de uma sempre para pagar a outra. E quando surge a oportunidade da filha - um pequeno gênio da matemática - estudar  em um colégio prestigiado com uma bolsa que cobre 90% do valor, Jess se vê capaz dos maiores absurdos para colocar Tenzie lá. Ela entra naquela de querer um pouco de normalidade para a filha diante de uma vida tão caótica, que é a que eles tem. 

É aqui que nossas histórias se entrelaçam, porque Jess precisa conseguir o restante do dinheiro da bolsa. E a partir da indicação de um professor de Tanzie, vai levá-la para um campeonato de matemática na Escócia. Pagará a parte que falta da escola dela com o prêmio. 

E quem vocês acham que vai levar Jess, Tanzie, Nicky e o cachorro para a Escócia? Pois é, nosso Geek predileto! E como isso acontece? Vocês vão precisar ler para saber. 

Olha, eu não esperava me emocionar com esse livro. O peguei justamente por ser despretensioso. Só que não lembrei que o peso do nome dramático de Jojo tinha um papel muito grande para a absolvição do enredo por minha parte. E fui pega totalmente de surpresa quando comecei a chorar com uma cena desse livro, e tem bastante tempo que não choro por causa de livros. Daí fechei e fiquei pensando... Mas que merda! Procurei um livro para rir e estou aqui chorando? 

Nada de morte, gente! Só uma mãe se virando em mil dentro de uma história, e eu me identifiquei absurdamente com uma determinada explosão de Jess, porque me sinto exatamente daquela forma em metade do tempo. Meu sentimentalismo com esse livro foi apenas uma afinidade que tive com a personagem. Uma puta afinidade! 

Claro que temos a comédia da história. Não dá para pensar em Um mais Um sem lembrar que Tanzie não consegue estar num carro a mais de 30 KM por hora sem passar mal, ou que o cachorro deles fede pra cacete. Ou ainda que Jess não tem dinheiro suficiente para bancar comidas no meio da viagem, e eles acabam quase sempre comendo as mesmas coisas o caminho inteiro. Enfim, não dá para não rir com várias passagens desse tipo no livo. Na verdade é raro um livro de Road Trip não ter uma cena que vá te fazer gargalhar. 

Contudo, como disse lá em cima, o nome da autora pesou muito na construção dessa história. Então mesmo que tenhamos a comédia prática e deliciosa dela, também temos os dramas escondidos na hilaridade de todos os tipos humanos nesse livro. Seja em Nicky por sofrer bullying de forma agressiva na escola pela aparência EMO. Ou Em Tanzie por ser aquele tipo de gênio que as pessoas olham torto. Ainda tem Ed, com seus problemas judiciais e familiares, e Jess, uma dona de casa guerreira e linda por quem tive a maior adoração. 

Tudo aqui cheira a comédia e drama ao mesmo tempo, E essa dicotomia dos personagens na trama me faz pensar na genialidade que foi esse trabalho da autora. Porque em uma página você pode estar rindo feito criança, e na seguinte chorar porque as coisas nem sempre são justas. E Jojo faz com isso seja gratificante de se ler, e degradante de saber que realmente funciona assim. 

Ela soube dosar os sentimentos no enredo de tal forma, que você acaba esquecendo alguns detalhes importantes do começo do livro, e que acaba se apresentando como um anticlímax perto do fim. E isso foi muito louco para mim, que costumo me ater a detalhes dos enredos com perfeição, e deixei passar batido um que pareceu tão grande. 

O livro é leve, de um modo diferente, mas é. Eventualmente vai te deixar com uma sensação de peso no estômago, o que é essencialmente normal por conta do problemas que nos é apresentado. São de tantos tipos, que é praticamente impossível que você não identifique sua própria vida em algum deles. Na verdade, é um livro que beira a uma realidade prática e normal. Ele é tão normal em seu contexto, que por isso o achei genial. 

Palmas para a autora e a brilhante ideia de usar a comédia da vida humana como experimento literário para esse livro. E viva Balzac que nos ensinou que a arte de contar história pode vir no nosso próprio quintal. 


Sobre o Kindle


Olá, pessoal! 
Recebo muitas perguntas de vocês relacionadas ao Kindle, e resolvi fazer um vídeo contando um pouco como foi minha experiência com ele, e como faço para transformar arquivos, quando é preciso, 
Espero que gostem. E se tiverem mais dúvidas, deixa ai que eu respondo. 


Resenha de "After - Depois da Verdade" (Anna Todd)

Título: After - Depois da Verdade
Autor: Anna Todd
Editora: Paralela
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: After - Depois da Verdade - Depois de bater a marca de um bilhão de acessos na plataforma de leitura Wattpad, a série After vira o novo fenômeno editorial. No segundo livro, Tessa tenta esquecer Hardin, o jovem caótico e revoltado que partiu seu coração em vários pedaços. Mas ela está prestes a descobrir que alguns amores não podem ser superados. Como apagar da memória as noites apaixonadas em seus braços, ou a eletricidade de seu toque? Hardin sabe que cometeu o pior erro de sua vida ao ter magoado Tessa tão profundamente. Ele não acha que merece tê-la de volta, mas se recusa a deixá-la partir. Neste livro, Hardin vai lutar com toda a sua força para reconquistar o grande amor da sua vida. Ao longo do caminho, os seus mais profundos segredos serão revelados. Depois da verdade, será que o amor de Tessa e Hardin resistirá?


Bem, às voltas novamente com o casal "risca faca" Hardin e Tess. Após a verdade, lançada como bomba no final do primeiro livro, eles estão tentando se acertar (isso poderia ser descrito como Hardin se desculpando de seus erros do passado e tropeçando nos atuais), encontrando motivos para ficarem juntos e sofrendo separados por não conseguirem desatar o nó que é essa relação. Surgem novos personagens, como a mãe "fofíssima" dele (momento aplausos) e outra surpresa ao final. Sem dar spoilers, eu posso dizer que esse livro é sem dúvida uma máquina de "transição". 


Hardin não é mais o mesmo, você percebe pela inserção bem vinda de POVs dele (dancinha da felicidade). Tessa, mais em dúvida do que nunca (como se fosse possível) e seu amigo Landon continuando "um fofo" e absurdamente essencial para mantê-la de pé na tábua de madeira no oceano que é Hardin. 

"Porque você cruzou meu caminho", ele responde. Sua sinceridade é uma punhalada a mais no meu peito. "E era um desafio para mim. Eu não conhecia você, Tessa. Não sabia que ia me apaixonar" 

Então vamos lá. Pontos positivos: Hardin, Hardin e Hardin. Ele está adoravelmente vulnerável, tentando se acertar na confusão que é sua personalidade e amando Tessa como nunca (como exemplo, o sexo evolui para algo mais sincero e profundo). Pontos negativos: o ioiô emocional em que se baseia essa relação, Tessa e suas infinitas dúvidas (apesar de eu me identificar com várias delas) e a escolha de palavras na tradução brasileira. Pois frases memoráveis foram traduzidas de maneira que perdeu-se um pouco da sua beleza, como a resposta que Landon dá a amiga, definindo exatamente como Hardin verdadeiramente a ama (quem leu sabe qual é). Bola mucha, Editora, bem mucha... 

No mais, há alguns erros de grafia e troca de lugares de palavras (tenho certeza que uma camiseta larga entrou no lugar de uma bermuda). Existe um erro, por amostra, que me parece ser da tradução do Brasil, na descrição de um certo garoto. Em um capítulo, Tessa o enxerga com olhos de uma determinada cor, vinte capítulos depois, olha pra ele e diz que são "verdes". 

"Essa é a verdade. Estamos em um mundo no qual todo mundo comete erros, até mesmo a garota incrivelmente ingênua que costuma ser vítima da insensibilidade e do mau humor de um homem. Ninguém é inocente de verdade no mundo, ninguém. As pessoas que se julgam perfeitas são as piores."

Aplausos para algumas supressões de cenas do original, como a que Zed volta para o apartamento só pra encanar, ainda mais, um "inseguro Hardin". Foi retirada com louvor. Mas, eu manteria o "caralho" do Trevor no lugar de "merdinha", porque sinceramente, isso não tem a cara dele. Posso vê-lo mandando as favas por traduzirem sua boca suja (e linda) assim. 

Últimas considerações: aqui vai na forma de desabafo, porque parece absurdo essa história anunciada pela Editora, nesse 26/03/15, que serão ao invés de quatro livros, publicados cinco volumes. No original eram três, que foram até certo ponto logicamente transformados em quatro. Mas cinco, mantendo-se o conteúdo original não sustenta a velha máxima de "começo, meio, ápice e conclusão" dos livros. Algum deles, certamente terão uma queda desse fator. 

No mais, pra quem gostou do primeiro (como eu), vale a leitura, porque você percebe que embora eles continuem no ciclo vicioso estão caminhando para alguma lugar, mesmo que lentamente. Um final feliz talvez? Com Hardin e Tessa nunca se sabe, mas os fatos narrados começam a nos fazer verdadeiros torcedores nessa história! Boa leitura!

Resenha feita por Ludmila Públio. 


Resenha de "Eu Fico Loko" (Christian Figueiredo)

Título: Eu Fico Loko
Autor: Christian Figueiredo
Editora: Novo Conceito (Cedido em Parceria)
Comprar: Livraria Saraiva



Sinopse: Eu Fico Loko - Ele só precisou de uma câmera, muita criatividade e um pouco de coragem para criar um dos vlogs mais acessados do YouTube. O EU FICO LOKO é recordista absoluto de views e inscrições, com mais de 1 milhão e 500 mil assinantes.Para os entendedores, o Christian hoje é um vlogger e um youtuber dos mais bombados. Mas na verdade ele é apenas um cara que gosta de escrever e que transformou o papel em vídeo.
Todos os dias, milhões de jovens procuram pelo Christian em suas redes sociais para saber o que ele está pensando. O porquê desse sucesso fora do normal você vai descobrir neste livro.

Mais um dos livros que a Novo Conceito lançou sobre os famosos do Youtube. 
O Eu fico Loko eu li depois do livro do Rafa, o que achei muito bom porque do contrário eu iria fazer comparações, esperando uma comédia que não existia no outro livro de forma descarada como tem nesse do Chris. Sério, eu rolei de rir com algumas crônicas! 

É mais um livro falando sobre os problemas da adolescência. Segue um padrão de organização bem parecido com o livro do Rafa, levantando os mesmos questionamentos e discussões, só que com olhos diferenciados. Com os olhos "LOKOS" do Chris. 

A diagramação de capa é muito bacana e tem tudo a ver com a personalidade maluca e explosiva do autor. Já a interna é cheia de fotos dele na infância e adolescência. E eu que achei que não teria relevância alguma aquelas fotos durante a leitura, me peguei analisando cada uma delas, procurando ver os Cris das histórias nas imagens. 

Uma coisa é certa sobre esse garoto... Vai se meter em confusão assim na China! 
Eu não consigo imaginar uma vida tão tribulada com a que ele teve. Por um momento cheguei a pensar que algo ali poderia ser inventado ou aumentado, mas então lembrei que por ser um livro autobiográfico, ele seria facilmente dedurado na mídia se assim fosse. Por isso bato palmas para Deus pela genialidade das coisas que saiu colocando no meio desse garoto. Já ouviu aquele ditado: Minha vida é uma piada? A dele certamente é. 

Todos os problemas que você imaginar da adolescência existe aqui. Álcool, primeiros beijos, sexo, possível gravidez, amigos, família... Só que o menino tem uma forma tão divertida de falar sobre cada uma dessas coisas, que a pessoa se pega pedindo por mais assim que acaba uma crônica. Eu poderia dizer que o livro é viciante, mas acho que o mais apropriado seria dizer que a vida dele é viciante. 

Imagino esse cara velho contando seus causos para um bando de garotos na calçada de casa. Ele fumando um charuto e lembrando da infância translocada ao ver os novos Capitães de Areia brincarem ao redor. Eu mesma, já com uma certa idade, adoraria ouvir essas maluquices de sua vida ao vivo. Ouvindo-o rir das próprias merdas que viveu. 

É sério quando digo que as vezes não dá para acreditar nas coisas que acontecem com ele. Sem contar que o autor é muito bom narrando tais situações, e o que já era engraçado fica mais engraçado ainda. Acho que ele poderia pensar em escrever um livro ficcional voltado para garotos. Acredito que funcionaria com essa ideia. 

A propósito... O livro não é apenas para meninos. Tudo bem que o foco são os problemas dos meninos, mas eu teria adorado ler na adolescência mesmo sendo uma menina. Eu adorei mesmo agora, que me sinto meio velha lendo sobre primeiros beijos e tal! hehe

Se o livro do Rafa tinha uma pegada mais melancólica e poética, o do Chris é escrachado e divertido. Ambos com seu potencial e ambos me deixaram encantada de modos diferentes. Se tiver que citar uma falha nos dois, foi o fato de não falar sobre como eles entraram nesse meio social e sobre o crescimento dentro do Youtube. O canal deles é para jovens e foram gerados por problemas de jovens. Não teria achado ruim ler um pouco sobre de onde surgiu a ideia e como ela se concretizou. 

Enfim, um livro que me fez lembrar que às vezes a vida também pode ser divertida. 




Resenha de "Reboot" (Amy Tintera)

Título: Reboot
Autor: Amy Tintera
Editora: Galera Record
Comprar: Livraria Saraiva


Sinopse: Reboot - Quando grande parte da população do Texas foi dizimada por um vírus, os seres humanos começaram a retornar da morte. Os Reboots eram mais fortes, mais rápidos e quase invencíveis. E esse foi o destino de Wren Connolly, conhecida como 178, a Reboot mais implacável da CRAH, a Corporação de Repovoamento e Avanço Humano. Como a mais forte, Wren pode escolher quem treinar, e sempre opta pelos Reboots de número mais alto, que têm maior potencial. No entanto, quando a nova leva de novatos chega à CRAH, um simples 22 chama sua atenção, e, a partir do momento que a convivência com o novato faz com que ela comece a questionar a própria vida, a realidade dos reinicializados começa a mudar. 






[Lançamentos] Arqueiro e Sextante

E esses são os laçamentos da Editora Arqueiro e Sextante do mês de março. Foi um problema escolher apenas dois entre tanta coisa boa. Olha só se não está de babar...


Título: Quarentena Amorosa
Autor: Angela Brandão
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Quarentena amorosa - Terminar um relacionamento não é nada fácil. Quase sempre, a dor da separação vem acompanhada de um mundo de incertezas. E agora? Como fazer para seguir em frente?Pensando nisso, a jornalista, cantora e compositora Angela Brandão propõe o que ela chama de quarentena amorosa, um período de cuidados especiais para ajudar você a cicatrizar as feridas, cuidar de si e recuperar o amor-próprio.
Recheado de boas histórias e pontuado por trechos de canções e poemas inspiradores, este livro apresenta 12 princípios práticos para sair da inércia que acompanha o fim de uma relação e dar início ao processo de cura.
Por mais difícil que possa parecer no início, a resposta que buscamos está em ações ao nosso alcance: criar hábitos novos, cuidar do corpo e da aparência, evitar atitudes radicais e apostar apenas em relações que interessam, sejam elas com pessoas, lugares, objetos ou memórias.
Dando os passos certos, um de cada vez, você pode descobrir que a quarentena era o período que você precisava para voltar a desfrutar a melhor companhia de todas. A sua.

Título: Produtividade Máxima
Autor: Tamara Schwambach
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Produtividade máxima - Muitas vezes chegamos ao fim do dia com a sensação frustrante de que não conquistamos nada significativo, de que deixamos de lado o que realmente importa. E pior: sem saber ao certo como gastamos nosso tempo.No entanto, algumas pessoas conseguem realizar tudo (ou quase tudo) o que desejam. Essa capacidade de organização não se deve a um talento inato, mas sim a uma habilidade que pode ser desenvolvida.
Com seu sistema da Pirâmide da Produtividade Máxima, Tamara Myles vai ajudar você a assumir o controle da sua vida, de modo que cada tarefa, por mais simples que pareça, seja capaz de contribuir para a realização dos seus maiores objetivos.
Você vai aprender técnicas testadas e comprovadas para lidar com as questões mais comuns do dia a dia. De um jeito prático e fácil, vai descobrir como executar suas atividades com maior eficiência, concentrando seus esforços naquelas que são mais significativas.
Adicionar legenda

Título: O Poder do Fracasso
Autor: Sarah Lewis
Skoob: Adicionar

Sinopse: O poder do fracasso - Uma obra inspiradora, com potencial para mudar a forma como compreendemos a criatividade e a conquista da excelência.Muitos dos empreendimentos humanos mais criativos e transformadores – de descobertas que renderam prêmios Nobel a invenções e obras de arte – não surgiram simplesmente por inspiração, mas graças a correções contínuas feitas após tentativas que não deram certo.
Sarah Lewis lança uma nova luz sobre a importância dessas tentativas
frustradas e do poder motivador que a “quase vitória” tem sobre a determinação. Ela tece habilmente uma teoria a respeito do que de fato significa falhar e de como o fracasso é essencial para o sucesso.
De pensamentos sobre o improviso do jazz, passando pela luta de Martin Luther King Jr. contra um problema na fala, até as reflexões de Al Gore sobre a perda das eleições presidenciais, ela traça o perfil de várias pessoas que alcançaram a maestria em sua área de atuação seguindo caminhos tortuosos: muitas vezes retrocedendo, perdendo, experimentando e recomeçando como amador.
Usando outros exemplos das mais variadas áreas, como esportes, ciências, artes e empreendedorismo, a autora explora ideias e conceitos que costumam ser ignorados quando se fala da busca pela excelência, entre os quais: o valor da diversão e do lúdico, o momento crucial da escolha entre desistir e persistir, o peso que deve ser dado às críticas e o corajoso papel das vanguardas.
Falhar é uma dádiva, mas é também um mistério, pois pode ser o fim de um plano e o início de possibilidades infinitas. O poder do fracasso é uma celebração da determinação e do espírito humano.

Título: O Jogo das Perguntas
Autor: Gregory Stock
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: O jogo das perguntas - Com mais de 2,5 milhões de exemplares vendidos, O jogo das perguntas se tornou um fenômeno ao levar os leitores a refletir sobre seus princípios e valores.Abordando diversos assuntos – como amor, dinheiro, sexo, ética e tecnologia –, este livro estimula o crescimento pessoal, ajuda a aprofundar seus relacionamentos e é um ótimo passatempo para quando você estiver sozinho nocarro ou num jantar com seus amigos e familiares.
Nas 291 questões polêmicas que encontrará aqui, você será convidado a explorar o mais fascinante dos temas: você mesmo e a maneira como lida com a vida.
Você reescreveria a redação de seu filho no vestibular se isso garantisse a ele uma vaga na melhor universidade? Estaria disposto a abrir mão de sexo durante um ano se isso lhe garantisse paz interior?
Pergunte. Reflita. Debata. Sem oferecer uma resposta sequer, este livro vai desafiar suas crenças e, quem sabe, mudar a maneira como você enxerga o mundo e as pessoas à sua volta.

Título: Jornada do Espírito
Autor: James Van Praagh
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Jornada do espírito - Com mais de 1,2 milhão de livros vendidos no Brasil, James Van Praagh volta a nos presentear com um vislumbre único do outro lado da vida, trazendo ensinamentos profundos sobre a natureza da alma, do corpo edo espírito.
Escrito para todos aqueles que já se perguntaram de onde vieram, para onde vão e o que estão fazendo aqui, este livro explica que a vida é muito mais do que aquilo que percebemos com os cinco sentidos e que a morte simplesmente não existe.
Por meio de exercícios e meditações, o renomado médium nos guia pelas diversas dimensões do mundo imaterial, oferecendo respostas a alguns de nossos principais questionamentos.
Com base em mais de 30 anos de experiência em ajudar as pessoas a compreender os mistérios da vida e da morte, o autor nos estimula a identificar nosso verdadeiro papel no mundo e a cumprir o destino de nossa alma.

Título: Como Vencer quando você ão é o favorito 
Autor: Rubens Teixeira
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Como vencer quando você não é o favorito - “Se você não nasceu em berço de ouro, se não pôde estudar nas melhores escolas, se ainda não conseguiu entrar para uma boa universidade, se ainda não tem um bom emprego, se não tem ou não teve o apoio da família, se não teve oportunidades, se sofre algum tipo de preconceito, se é tímido ou inseguro – nada disso é impedimento para que você vença na vida.Talvez tenha que se esforçar mais do que os outros no início, dormir menos horas por dia, abrir mão de períodos de lazer e ser mais estratégico para aproveitar todos os recursos que tem a seu dispor. O seu caminho pode não ser fácil, mas certamente ele é possível se você acreditar em si mesmo e agir para realizar seus sonhos.
Quem tem tudo de mão beijada muitas vezes não valoriza as próprias conquistas e talvez se considere tão seguro nas disputas que isso chega a representar uma desvantagem, porque os menos favorecidos estarão batalhando a cada segundo pela vitória e aproveitando as brechas que surgirem para mostrar seu valor.
Para vencer quando não é o favorito, você deverá refletir sobre temas importantes em sua conduta e em sua capacidade analítica do ambiente em que vive. Terá que examinar quais são seus pontos fortes e fracos, o que tem a seu favor e o que pode representar um empecilho. São as escolhas individuais certas, aliadas ao esforço pessoal, que trarão a sensação de que é possível enfrentar as circunstâncias adversas.”

Título: Bruxa da Noite
Autor: Nora Roberts
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Com pais indiferentes, Iona Sheehan cresceu ansiando por carinho e aceitação. Com a avó materna, descobriu onde encontrar as duas coisas: numa terra de florestas exuberantes, lagos deslumbrantes e lendas centenárias – a Irlanda.Mais precisamente no Condado de Mayo, onde o sangue e a magia de seus ancestrais atravessam gerações – e onde seu destino a espera.Iona chega à Irlanda sem nada além das orientações da avó, um otimismo sem fim e um talento inato para lidar com cavalos. Perto do encantador castelo onde ficará hospedada por uma semana, encontra a casa de seus primos Branna e Connor O’Dwyer, que a recebem de braços abertos em sua vida e em seu lar.
Quando arruma emprego nos estábulos locais, Iona conhece o dono do lugar, Boyle McGrath. Uma mistura de caubói, pirata e cavaleiro tribal, ele reúne três de suas maiores fantasias num único pacote.
Iona logo percebe que ali pode construir seu lar e ter a vida que sempre quis, mesmo que isso implique se apaixonar perdidamente pelo chefe. Mas as coisas não são tão perfeitas quanto parecem. Um antigo demônio que há muitos séculos ronda a família de Iona precisa ser derrotado.
Agora parentes e amigos vão brigar uns com os outros – e uns pelos outros – para manter viva a chama da esperança e do amor.

Título: A Transformação de Raven
Autor: Sylvain Reynard
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: A transformação de Raven - Florença, o berço do Renascimento. Um lugar culturalmente fervilhante, perfeito para quem quer esconder segredos ou está em busca de uma segunda chance. Como a doce Raven, que se muda para a cidade na tentativa de esquecer os traumas do passado e se dedicar à sua maior paixão: a restauração de pinturas renascentistas.Um dia, voltando para casa do trabalho na Galleria degli Uffizi, sua vida muda para sempre. Ao tentar evitar o espancamento de um sem-teto, Raven é atacada. Sua morte parece iminente, mas seus agressores são impedidos e brutalmente assassinados. Assustada e prestes a perder os sentidos, ela só consegue vislumbrar uma figura sombria que sussurra: Cassita vulneratus.
Ao despertar, Raven faz duas descobertas perturbadoras: uma semana se passou desde o ocorrido e ela se transformou por completo. Quando volta ao trabalho, mais uma surpresa: alguém conseguiu burlar o sofisticado sistema de segurança da galeria e roubar a inestimável coleção de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia.
Em busca da verdade, Raven cairá diretamente nos braços do Príncipe de Florença – tão belo quanto poderoso, tão sedutor quanto maligno –, que lhe apresentará um submundo de seres perigosos e vingativos, cujas leis ela precisa aprender depressa se quiser se manter viva e salvar os que a cercam.
A transformação de Raven marca o início da série Noites em Florença, cujos personagens foram apresentados em O príncipe das sombras.

Título: Segredos de um pecador
Autor: Madeline Hunter
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Segredos de Um Pecador - Leona Montgomery foi criada na China. Com pai inglês e mãe portuguesa, aprendeu desde cedo a se adaptar aos costumes de outras terras e adquiriu uma cultura e uma sofisticação incomuns àsmulheres de seu tempo. Por isso, quando o pai, já viúvo, morreu, deixando os dois filhos em uma situação financeiradifícil, Leona assumiu os cuidados do irmão caçula e os negócios da família. Trabalhando pela recuperação da Montgomery & Tavares, ela viajou por diversos países, negociou com homens rudes e enfrentou piratas. Recém-chegada a Londres, agora espera fechar parcerias comerciais e dar sequência a uma investigação que o pai não pôde concluir. Mas estar em Londres significa algo mais. Sete anos atrás, Edmund, um naturalista inglês, deixou Macau à noite, depois de um beijo de despedida que Leona nunca esqueceu, e retornou à Inglaterra. O que Leona não poderia imaginar era que Edmund na verdade é Christian Rothwell, o marquês de Easterbrook, um homem poderoso envolto em mistérios – e que talvez se beneficiasse com o fim das investigações de seu pai. Dividida entre o dever e a tentação, é na cama do marquês que ela fará suas maiores descobertas.

Título: O Voo da Libélula
Autor: Michel Bussi
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria saraiva

Sinopse: Na noite de 23 de dezembro de 1980, um avião cai na fronteira entre a França e a Suíça, deixando apenas uma sobrevivente: uma bebê de 3 meses. Porém, havia duas meninas no voo, e cria-se o embate entre duas famílias, uma rica e uma pobre, pelo reconhecimento da paternidade.
Numa época em que não existiam exames de DNA, o julgamento estende-se por muito tempo, mobilizando todo o país. Seria a menina Lyse-Rose ou Émilie? Mesmo após o veredicto do tribunal, ainda pairam muitas dúvidas sobre o caso, e uma das famílias resolve contratar Crédule Grand-Duc, um detetive particular, para descobrir a verdade.
Dezoito anos depois, destroçado pelo fracasso e no limite entre a loucura e a lucidez, Grand-Duc envia o diário das investigações para a sobrevivente Lylie e decide tirar a própria vida. No momento em que vai puxar o gatilho, o detetive descobre um segredo que muda tudo. Porém, antes que possa revelar a solução do caso, ele é assassinado.
Após ler o diário, Lylie fica transtornada e desaparece, deixando o caderno com seu irmão, que precisará usar toda a sua inteligência para resolver um mistério cheio de camadas e reviravoltas.
Em O voo da libélula, o leitor é guiado pela escrita do detetive enquanto acompanha a angustiada busca de uma garota por sua identidade.

Título: Uma Longa Jornada
Autor: Nicholas Sparks
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Uma Longa Jornada - Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele.Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra e seus efeitos sobre eles e suas famílias.
Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga até um rodeio. Lá é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição.
Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem
juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família.
Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder.
Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.




[Lançamentos] Editora Gente/Única

Vamos dar uma olhadinha nos lançamentos do mês da Única/Gente?



Título: Dor de amor tem jeito
Autor: André Massolini
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Dor de amor tem jeito - Seus amores começam como romance épico e terminam como filme de terror? Tem gente que parece ter o dom de se ferrar no amor, ou melhor, apostar todas as fichas em algo sem futuro. Tudo acaba e sabe o que resta? Você. Sofrendo mais uma vez por ter se deixado levar por um relacionamento sem potencial e se perguntando o que há de tão errado com você. Será que dá pra sair disso? Dessa mania de seguir sempre o mesmo roteiro dolorido? André Massolini vai mostrar que sim, dor de amor tem jeito. Esse filósofo que conquistou milhares de fãs com seu canal Ponto de vista, do YouTube, veio trazer compreensão e muito mais do que um ombro amigo para chorar: a chave para finalmente fechar essa história mal resolvida e conseguir, de uma vez por todas, não só superar o sofrimento e as mágoas, mas se tornar inteiro e feliz – como sempre deveria ter sido! Ninguém merece sentir que é um fracasso completo nem merece colher migalhas de afeto. Melhor do que uma sessão de terapia, este livro trará os conselhos e as respostas para que você experimente o alívio e recupere a dignidade que sentiu ser levada por outro alguém. Resgate a si mesmo e venha experimentar a felicidade!


Título: Tudo o que você precisa saber sobre psicologia
Autor: Vários
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Tudo o que você precisa saber sobre Psicologia - Talvez sua cabeça não seja simples e clara, mas este livro é!Não importa se você está procurando por uma forma de começar a estudar Psicologia para depois se aprofundar, ou se simplesmente tem curiosidade em identificar as neuroses dos seus amigos, este livro possui as respostas sobre a mente humana que você não compreende ao acessar artigos acadêmicos.
Em uma revisão rápida e completa da Psicologia moderna, entenda as teorias mais importantes, os experimentos marcantes, as definições de síndromes e fenômenos sem precisar sofrer. Tudo isso ainda acompanhado de um resumo sobre a vida e as descobertas dos maiores nomes da Psicologia como Freud, Jung, Skinner, Maslow e muitos outros.
Embarque nessa jornada sobre a profundidade de nossa existência, questione o poder da consciência e o que nos torna humanos em um mundo tão cheio de variáveis. Aprenda com aqueles que moldaram nosso conhecimento sobre nós mesmos e ainda tenha a oportunidade de fazer os testes psicológicos mais clássicos – em uma linguagem fácil e divertida. Alguns dos temas que você encontra aqui: Sonhos, Hipnose, Teorias de liderança, Teorias da inteligência, Memória, Efeito espectador, Lados direito e esquerdo do cérebro, Informações sobre os maiores autores de Psicologia.

Título: Um Estranho Perfeito
Autor: Susan Fox
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva
Sinopse: Um Estranho Perfeito - Caribou Crossing é uma cidade de recomeços. E assim o era para Brooke Kincaid que, há cinco anos, tenta reparar os erros de seu passado. Quando, porém, uma moto Harley-Davidson destrói sua cerca e um estranho perigoso e irresistível literalmente invade sua vida, ela mal imagina as ameaças que a chegada desse fugitivo traria. Jake Brannon sabe que Brooke é vulnerável, mas também forte, gentil e mais quente que o próprio inferno. A personalidade forte dessa mulher intrigante e seu charme perturbador são capazes de fazer até o maior aventureiro sossegar... Apenas para ter o gosto daquele delicioso romance. Agora ela precisa ajudar esse homem misterioso a continuar vivo ou as pessoas que ama estarão em perigo. Brooke precisa fazer as escolhas certas dessa vez. Pode ser sua última chance.



[Lançamentos] DarkSide


Hello, Galera!
Esses dias recebi mais um email muito interessante da DarkSide. Outra prévia de um futuro lançamento deles. 
Como sou extremamente suspeita para falar dos livros dessa editora, vou deixar vocês olharem, e daí vão me dizer se não é de dar água na boca.

Título: A Noiva Fantasma
Autor: Yangsze Choo
Lançamento: Abril/2015
Nota do Goodreads:3.72
Sinopse: 1893. Li Lan é uma jovem que recebeu educação e cultura, mas que vive sem grandes perspectivas depois da falência de seus pais. Até surgir uma proposta capaz de mudar sua vida para sempre: casar-se com o herdeiro de uma família rica e poderosa. Há apenas um detalhe: seu noivo está morto. A Noiva Fantasma, que a DarkSide® Books publica no Brasil em 2015, é o surpreendente romance de estreia de Yangsze Choo, a escritora de ascendência oriental que está encantando fãs por todo o mundo. Por mais fantásticas que pareçam, as noivas fantasmas ainda resistem até hoje em parte da cultura asiática. A prática, que chegou a ser banida por Mao Tsé-Tung durante a Revolução Cultural, foi muito frequente na China e na Malaia (hoje Malásia) no final do século xix. O casamento era usado para tranquilizar um espírito inquieto, e garantir um lar e estabilidade para as mulheres que diziam sim a maridos já falecidos. É claro que elas tinham um preço alto a pagar, e com Li Lan não seria diferente. Evocando obras como Lugar Nenhum, de Neil Gaiman, A Noiva Fantasma é uma história impressionante sobre o amor sobrenatural e o amadurecimento, escrita por uma extraordinária nova voz da ficção contemporânea. Eleito o Livro da Semana pela Oprah. com, entrou em diversas listas de melhores livros do ano, como Indie Next List’s Pick, Glamour Magazine Beach Read, The Bookseller Editor’s Pick e Library Journal Barbara’s Pick.

AUTORA



 YANGSZE CHOO é descendente de malaios. Formou-se na Universidade de Harvard e ocupou vários cargos corporativos antes de escrever seu primeiro romance, A Noiva Fantasma. Yangsze adora comer e ler, e faz as duas coisas ao mesmo tempo com frequência. Ela mora na Califórnia com seu marido e filhos, além de um coelho. Saiba mais em yschoo.com.







Resenha de "Diário de um adolescente Apaixonado" (Rafael Moreira)



Título: Diário de um adolescente apaixonado
Autor: Rafael Moreira
Editora: Novo Conceito (Cedido em Parceria)
Comprar: Livraria Saraiva

Sinopse: Diário de um Adolescente Apaixonado - Ele suou frio quando deu o primeiro beijo. Já sofreu bullying na escola. Já gostou de quem não gostava dele. Sente muita falta de quem foi embora. Já brigou com a namorada por Whatsapp e depois pediu desculpas. Ele não troca os amigos por ninguém. Se bem que amigo, AMIGO mesmo, pra ele, é a família.Em 24 crônicas bem-humoradas (claro), o Rafa conversa com a gente como se estivesse bem pertinho.



 

Quando a Novo Conceito anunciou os lançamentos desses dois livros sobre meninos que são sucessos do Youtube, não vou mentir,  fiquei com o pé atrás. Mas sei da capacidade da editora em atingir os leitores de modo abrangente. Eles são muito bons em campanhas de publicidade em cima dos livros que publicam. 

Portanto assim que os livros saíram, Rafa e Cris começaram uma turnê pelo Brasil para ver os fãs e divulgar as obras, o que anda sendo uma loucura pelo país inteiro de tão movimentada. Fiquei feliz em ver que eles mexem tanto com a cabeça desses jovens e, pelos livros que li, de forma tão positiva. 

Mas hoje vamos falar do livro do Rafa, que foi o primeiro que li. 
Chama atenção a princípio pela diagramação deliciosa de tão linda. Não gosto tanto da capa quanto gosto das folhas internas, mas acho que ela traz exatamente o clima que tem no título do livro, e em quem é o Rafael que narra as crônicas aqui. 

Como é um livro de crônicas para jovens, você enxerga ele em cada palavra que escreve. Não conhecia o garoto antes desse livro. Ando pelo Youtube com frequência, mas normalmente vendo vídeos sobre livros ou artesanato. E se vocês me perguntarem de fato não vou saber o que dizer sobre o que é o canal dele, mesmo que tenha visto alguns vídeos aleatórios. Sei que é para jovens e ponto. E pela quantidade de seguidores, as pessoas super se identificam. 

Rafael é desses meninos que você quer abraçar e pôr no colo, de tão fofo que ele parece ser pelos textos que escreve e pelos poucos vídeos que vi. Tem uma escrita delicada e com traços fortíssimos do que acho que seja a personalidade dele. Os textos são atuais, com temas como a falta de água em São Paulo, mas também com um pouco sobre problemáticas jovens, como amor, sexo, amigos, família...

Acho que o autor tem entre 17 e 18 anos. Tem um pensamento bem analista sobre as coisas, e chega a ser um pouco melancólico, pelas crônicas que li. Não sei se ele normalmente é assim, e não acho que seja timidez, afinal o cara tem um canal no Youtube onde mostra a cara com frequência. Mas tem algo distante nele, e ainda assim sereno, sabe? Meu pai era exatamente assim, o tipo de pessoa que você se sente bem só em ler algo que escreve, ou vendo ele falar. 

Posso não ter me tornado fã do canal dele, simplesmente porque não é meu gênero, mas fiquei altamente encantada pela forma que ele tem de encarar a vida. Até vi algumas pessoas dizendo que talvez ele romantize demais a própria existência, e me pergunto o que tem demais nisso? Algumas pessoas pegam limões para fazer sucos, e outras simplesmente comem os limões daquele jeito. O Rafa me parece meio isso. 

As crônicas são para jovens, ok? Não venham pensando que vocês irão ver profundidade byroniana nos textos do garoto, apesar dele ter um pitada ultra-romântica na sua delicadeza de escrita. Os temas aqui são super jovens e para jovens. Acredito que ele atinge o público que quer atingir numa boa. Atingiu até a mim, que passei disso há muito tempo. rsrs




Resenha de "Perdas e Danos" (Diane Chamberlain)

Título: Perdas e Danos
Autor: Diane Chamberlain
Editora: Arqueiro (Cedido em Parceria)
Skoob: Adicionar
Comprar: Livraria Saraiva


Sinopse: Perdas e Danos - Travis Brown é um rapaz diferente da maioria dos jovens de sua idade. Aos 23 anos, já conheceu – e perdeu – seu grande amor, já precisou lutar pela guarda da filha na justiça e agora trabalha incansavelmente para sustentá-la. Sua rotina não é fácil, mas ele consegue levar uma vida digna.De repente, tudo começa a dar errado: ele perde o emprego, sua casa pega fogo e sua mãe morre. Sem ter a quem recorrer, precisa ir morar com a filha em um acampamento para trailers. Lá, conhece Savannah, uma jovem linda e sexy que realmente parece querer ajudá-lo.
É ela quem lhe fala sobre a vaga em uma obra em Raleigh, uma cidade próxima. Travis não quer se mudar, mas não tem alternativa: seus últimos dólares estão acabando e ele não vê a menor perspectiva de conseguir mais dinheiro.
No entanto, ao chegar a Raleigh e conhecer Roy, seu suposto empregador, ele descobre que o trabalho na verdade é um roubo. Roy garante que será a única vez e que a quantia que Travis receberá será suficiente para tirá-lo do sufoco por um bom tempo. Agora, de frente para a maior encruzilhada de sua vida, Travis precisa decidir que caminho seguir para continuar sendo um pai exemplar.

Talvez eu seja uma das poucas blogueiras que não chegaram a ler o outro livro da Diane quando ele saiu. Tenho essa coisa em mim de achar que quando vou ficar nostálgica e depressiva com um livro, então não o leio. Por isso não pedi Segredos e Mentiras na época, e foi por não me ligar no nome da autora que acabei solicitando o Perdas e Danos dessa vez. A sinopse tinha algo com um pouco mais de ação, o que me enganou completamente. Não de um jeito ruim, admito. Só não esperava que o drama fosse muito mais forte nele do que qualquer outro aspecto na narrativa. 

Vou tentar explicar para vocês essa história de uma forma mais cronológica, que não é como acontece no livro, ok? De um jeito que não pareça confuso, posso dizer que acompanhamos a vida de Travis Brown, um jovem rapaz que só tem uma filhinha no mundo, e nenhum emprego para bancá-los. Ele acaba saltando de uma cidade para outra, em busca do que possivelmente seria um trabalho apresentado por uma amiga do lugar de onde tinha vindo. Só que esse trabalho não é o que parecia ser, e Travis fica na dúvida se o faz e garante comida e abrigo para ele a filha por mais alguns dias, ou se abre mão disso e se desespera em busca de outras opções. 

Basicamente é isso o que posso dizer a vocês sem quebrar a magia da leitura do livro. A informação que passei foi a única que tive ao pegá-lo, o que achei ótimo porque se soubesse como a história se desenvolvia, talvez não tivesse pegado para ler, apenas por uma questão de preconceito a certos tipos de drama. 

O livro é narrado por três personagens: Travis, Erin e Robin. 
Aparentemente três pessoas sem ligação, mas que vão se entrelaçando durante a trama. Seja com algo relacionado ao passado deles, seja com o presente. E posso garantir a vocês que o fato de ter três pontos de vista na história tão bem escritos, faz com que o leitor corra na leitura só para saber como aquele personagem vai resolver uma determinada situação no próximo capítulo, ou como ele está se sentindo. A curiosidade em descobrir como a vida deles chegou até aquele ponto é muito forte. Foi justamente ai que descobri o quanto a autora foi genial em criar os laços desse enredo. 

Ela também trabalha com flash back durante todo o livro, o que de início foi meio confuso para mim, tendo que voltar a ler pedaços dos capítulos anteriores em certos momentos. Nada que realmente atrapalhasse a leitura. Tipo, dá para continuar a ler sem voltar, mas eu ficava achando que tinha deixado passar alguma coisa, e isso me irritava ao ponto de voltar as folhas. Esses pedaços de passado são super importantes para a trama. Só com eles entendemos o Travis adulto, a Robin centrada e a Erin sofrida. Até a pequena Bella tem muito mais sentindo depois deles. 

Devo dizer que minha paixão nessa história, além da forma como a autora vinculou os personagens, foi em Travis como pai. Poxa, passei minha vida inteira olhando os relacionamentos de pais com amigos meus, e nunca vi nada nem parecido com o que Travis foi capaz de fazer por Bella. Eu sentia pena deles a cada maldita página onde um novo problema era revelado para ambos. A menina encarando a vida de um jeito onírico, mesmo que dormisse em uma van e não penteasse os cabelos. O cara sendo positivo mesmo sem um centavo no bolso para comer, dando tudo o que conseguia para a filha. Diane também soube trabalhar divinamente esse relacionamento deles, e eu babei legal nisso. Mas sou suspeita porque, como diria Freud na visão da minha psicóloga, eu tento encarar minha própria realidade paternalista em todas as outras que vejo. 

Quando digo que o drama é muito maior do que o resto, é justamente por conta das relações sociais que os personagens mantem dentro da história. De como Erin encara uma perda, ou Robin encara um ganho. É tudo tão amarradinho e aparentemente simples, que me peguei pensando quanto tempo a autora se dedicou escrevendo esse livro, só por conta dos personagens, nem tanto pelo enredo. 

O que me deixou meio frustrada foi o fim. Não sei porque, mas o achei rápido demais, sabe? Altamente plausível, sem dúvida! Diane não deu ponto sem nó aqui. Tudo tem seu começo, meio e fim de forma explicativa e sem falhas. Contudo as últimas cenas me deixaram com uma sensação de pouca generosidade para quem acompanhou aquele sofrimento até ali. Ela até coloca tipo um epílogo, explicando como ficou a vida dos personagens depois de um tempo, mas eu ainda queria mais. Acho que na verdade o problema não estava no livro, mas na saudade que ele deixou em mim. 

Uma história linda sobre perda, reconhecimento, paternidade e os tipos de amor diversos que constroem o caráter do ser humano, mesmo na maior adversidade de suas vidas, e que justifica qualquer atitude, até a mais absurda delas.